Boscodonordeste

PARABAIANO - Paraibano criado na Bahia, colocando letras em movimento

Textos

Pensamentos nº 10
1) Quem pensa que já viu tudo, ainda não viu. Vai ver como é que alguém vai tentar construir pontes com as vísceras e o sofrimento de tantos.
2) Quem vê o que não sabe, não sabe o que vê. É guiado pelo cajado feito com uma cobra venenosa.
3) O animal metido a esperto é aquele que dorme à sombra do pesadelo de um delírio.
4) Tem ser humano que é igual a um balão. Quanto mais quer subir, mais aceita que se coloque fogo no seu rabo.
5) Por favor, poderiam dizer aos tubarões para não confundir um surfista com dentista? Diga ao tuba, que não precisa mostrar os dentes.
6) Por você tudo faria. Meu coração de daria. Minha dor esqueceria. Mas se você não me queria, então porque roubou meu jegue?
7) Sabe com quantos paus se faz uma cangalha? Depende do tamanho do jegue.
8) Já viu a madeira de dar em doido? Ninguém viu. Se você encontrou alguma é porque foi com ela que você apanhou, seu louco.
9) Plantou o pé na cara, nasceu um pé de briga. Metido a forte, pensou que era um pé de cabra, mas era apenas um pé de bode.
10) Quem não sabe rezar, come qualquer pão que o padeiro do diabo amassar.
11) Parem de brigar feito cão e gato, para que depois a situação não se torne uma sardinha em lata.
12) Tem gente que só quer ficar na vida comendo agá (H) sob a sombra da bananeira, vendo os problemas passando a ver navios, como cego em tiroteio.
13) Tem elementos que parecem feitos nas coxas, vivendo à deriva no mar, passando o tempo na boca de espera, sem saber que na briga entre as pedras e as ondas quem leva a pior é o barco onde você está.
14) Se você a cada suspiro quiser compreender a vida, só vai entendê-la no último suspiro, quando tudo deve ficar claro, em plena escuridão profunda.
15) Os motivos da dor dos outros ninguém consegue entender, mas os motivos da nossa dor todo mundo diz que sabe.
João Bosco do Nordeste
Enviado por João Bosco do Nordeste em 29/10/2014
Alterado em 09/12/2014
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (boscodonordeste). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras