Boscodonordeste

PARABAIANO - Paraibano criado na Bahia, colocando letras em movimento

Textos

Pensamentos nº 40 – Da Série Vida e a morte
1) A vida está sempre no começo, e quanto mais eu sei que não sei, mas a sede do saber me anima a começar de novo, bebendo no meio da fonte do saber para tentar chegar ao fim.
2) A vida sem fé de quem quer ter tudo, é apenas uma fumaça que quanto mais alta estiver, mais próxima estará do nada.
3) A morte é o final de toda a busca, assim falou Zaratustra.
4) A morte da felicidade incomoda e a da falsidade perturba, mas somente a verdade sobrevive.
5) O ódio é inimigo na presença, e o amor é inimigo na distância. Portanto, o ideal da vida é continuar sempre por perto.
6) Amar a vida é como olhar o mar. Só se tem certeza da sua existência até onde a visão alcança.
7) Na vida, a autossuficiência é o nascer da ignorância, a cegueira da razão e a morte do perdão. Quem se sente autossuficiente é um ignorante e cego ... um morto vivo.
8) Quem não sabe viver será um eterno escravo das horas, do salário, dos semáforos, das câmeras e dos remédios de tarjas pretas.
9) A visão de paz que os pássaros têm lá de cima poderá ser a mesma que você tem aqui de baixo, por isso decida voar sempre com as asas do bem, que poderá lhe suportar no momento do pouso ou da caída.
10) A curiosidade é o combustível que abastece a vida de todo espião, mas a morte é uma fofoca que resiste a qualquer investigação.
11) Na vida, enquanto a alegria abre todas as portas, a tristeza enferruja o cadeado da felicidade.
12) Nunca julgue o seu irmão por atitudes que você também não gostaria de ser julgado, pois geralmente os outros erram menos que você.
13) Se você diz que já sabe tudo, é sinal de que ainda não sabe nada, pois quem sabe nem se preocupa em dizer que sabe. O saber é a casa da humildade.  
14) Ninguém nasceu sabendo tocar a vida sozinho, por isso aceite a crítica como uma afinação para que a música seja eterna.
15) Infelizmente, as pessoas perdem mais tempo tentando dar explicações sobre a morte, quando deveriam estar preocupadas em encontrar soluções para a vida.
João Bosco do Nordeste
Enviado por João Bosco do Nordeste em 04/04/2015
Alterado em 06/11/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Bosco do Nordeste). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras