Boscodonordeste

PARABAIANO - Paraibano criado na Bahia, colocando letras em movimento

Textos

Casamento num posto de combustível
Um certo casal de amantes, Zeca piu e Mariana zum zum,
ele frentista de posto, e ela uma exigente taxista.

Diziam que se amavam, fosse em qualquer lugar,
ou até em lugar nenhum.  Ela morava com a mãe, e e ele morava com o pai.

Ambos eram separados e um dia resolveram se casar,
num posto de combustível, que seria um melhor lugar.

Arrumaram quase tudo. O combustível e o comível,
pois ali tudo é possível, pra balada acontecer.

Tudo virou uma festança, foi muita comemoração,
daí veio a grande surpresa, que ninguém entendeu não.

A festa logo acabou, Mariana voltou pra casa,
preferiu morar com a mãe. Zeca piu não satisfeito, voltou para a casa do pai.

Não quiseram se arriscar: o frentista e a taxista.
Ela, carona a ele não daria, mas ele teria de abastecer o tanque dela todo dia.
João Bosco do Nordeste
Enviado por João Bosco do Nordeste em 28/07/2015
Alterado em 29/05/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Bosco do Nordeste). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras