Boscodonordeste

PARABAIANO - Paraibano criado na Bahia, colocando letras em movimento

Textos

Professor herói – Um herói professor
Como um verdadeiro capitão o professor em herói se revela,
quando respeita os pais e os alunos, abrindo ao futuro uma janela.
Mostra pela vida que as cores do saber é uma aquarela,
carregando sempre a doce missão de pintar nova tela.

Por traz dos olhos a experiência irradia,
de tantos anos passados nas lousas do dia-a-dia.
Cavalga pelos campos seus sonhos de rebeldia,
sem ser parte de reinados, seu saber á a dinastia.

É um capitão quase ingênuo, que a natureza esculpiu.
não quer ser o dono do mundo, pois de herói nunca se viu.
Toda criança é seu filho, o que chega ou o que partiu,
carregando uma certeza, da profissão que assumiu.

Sobrevive da esperança, na solidão dos pardais.
Quebrando com as capitãs, suas asas de cristais,
sendo muito ignorado, tratados como animais,
mas tendo sempre a clareza, do brilho dos castiçais.

Escondido os seus prodígios pelo mundo ignorante,
esse herói não se revela pelo salário humilhante,
mesmo caindo suas pétalas, seu renascer é constante,
nos jardins das primaveras, com sua alma radiante.

Sempre veremos um dia, pelas janelas do existir,
sempre outro herói acenando, lutando sem desistir,
para as novas gerações que ainda hão de porvir,
nas trincheiras dessa guerra, esse herói vai resistir.

Mesmo com as adversidades, esses heróis vão lutar,
porque professores do Brasil ninguém vai enganar.
Sem esses heróis a educação do País não vai vingar,
o barco vai afundando até num caos o País se transformar.

Infeliz da autoridade que a escola não dá como opção,
que não passou por sua porta, preferiu estudar corrupção.
E outros que ali foram chegando também meteram a mão,
com o medo instalado, matou a esperança de uma Nação.

Herói és tu professor, que tem na educação a sobrevivência,
na escola desta vida, sua profissão é precisa de decência,
nenhuma autoridade vai compra a sua consciência,
como fazem com o eleitor analfabeto, por pura conveniência.

Respeitem o professor.
Assim não dá!
Tenha paciência!
João Bosco do Nordeste
Enviado por João Bosco do Nordeste em 30/09/2015
Alterado em 25/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Bosco do Nordeste). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras