João Bosco do Nordeste
Professor Mestre em Educação e Administrador empreendedor
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
De ignorante ao pó da Terra
Você pensa que é ligeiro, mas a Terra corre mais,
ela gira ao torno do Sol, hoje, ontem ou agora,
num movimento frenético chamado de translação,
que a gente nem percebe, que é a 107.000 km/h.

Talvez só os ignorantes, só seus instintos dos animais,
esquecem que a ciência é a gravidez da grossa espora,
deixando em pé quem foi gerado, na gravidade da ilusão,
no impávido colosso da morte, sua herança é a demora.

Na rotação do seu próprio eixo não para jamais,
girando de fora pra dentro e de dentro pra fora.
mesmo nos seus 1.700 km/h, tudo é parado no chão,
mas por sua gravidade, existem mais tontos agora.

Somente um ignorante pensa o mundo sem ancestrais,
pisando nos outros por dentro, e na Terra pisa por fora,
sofrendo sua própria ignominia, não percebe o seu caixão,
voltando ao pó da terra, que tudo enterra e leva embora.
João Bosco do Nordeste
Enviado por João Bosco do Nordeste em 26/11/2014
Alterado em 25/02/2019
Comentários
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links