João Bosco do Nordeste
Professor Mestre em Educação e Administrador empreendedor
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
Pensamentos nº 56 - Da série: Amor e paixão
1. Todo coração que vive morrendo de amor depois se arrepende.
2. O tempo e a distância são excitações da paixão, que vive tentando encontrar respostas, mas somente o amor é a verdadeira explicação.
3. Se hoje o amor perder para a paixão e cair por terra, os sentimentos poderão ficar mais distantes. Amanhã só poderá voltar a felicidade quando o amor se levantar.
4. Eu, o amor e você, são os corações inseparáveis das noites, que não precisam mostrar a ninguém. A paixão é o tormento que apavora, cuja destruição é vista em plena luz do dia, ou à qualquer hora.
5. A paixão é uma joia frágil, guardada sem nenhum cuidado, pois as suas consequências vão quebrar em pedacinhos o que ainda restava do amor.
6. Disse um amor desesperado: A paixão mudou o céu, mudou o mar, mudou o rio. Puta que pariu! E o amor aonde está, ninguém o viu?
7. Somente a existência de um coração cheio de amor pode preencher os momentos de vazio existencial.
8. Não queira ser apenas um pássaro aprisionado pela paixão. Use as asas da imaginação e voe pelos ares do amor.  
9. O orvalho da madrugada que molha as flores no jardim da vida é lágrima das almas apaixonadas que estão chorando por falta de amor ao amanhecer.
10. Alma apaixonada vive em plena escuridão, sem ter certeza do amanhã. Alma que vive amada sempre estará na clara paz da imensidão.
11. O amor que abandona a emoção vira paixão. Depois da decepção, a razão não dá e nem merece qualquer perdão.
12. Ame, pois o amor não está na paisagem externas dos sentimentos recônditos. Quem se apaixona, além de perder os sentidos da emoção, fica louco e sem razão.
13. O amor é o grande milagre da vida, pois somente ele sabe ressuscitar o sorriso das pessoas.
14. A felicidade está no amor. Por isso só quem entende o sorriso e o abraço de uma criança poderá ser feliz.
15. A paixão cega ... o amor abre os olhos. A paixão aprisiona ... o amor liberta. A paixão é treiteira ... o amor é autêntico. A paixão é a trilha ... o amor é o trilho. A paixão é passageira ... o amor é eterno.
João Bosco do Nordeste
Enviado por João Bosco do Nordeste em 01/11/2015
Alterado em 04/01/2019
Comentários
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links